Adesão ou não ao regime de recuperação fiscal será transparente e séria, diz Sartori

18/05/2017

 

O governador José Ivo Sartori recebeu a notícia da aprovação do projeto de recuperação fiscal dos estados pelo Senado, no final da tarde de quarta-feira, dia 17, afirmando que este "é mais um passo na caminhada em direção à sustentabilidade financeira" estadual. 

 

"Acompanhei todo o processo, dialogando com o governo federal, com deputados e senadores, especialmente os da Bancada do Rio Grande do Sul. Seguirei acompanhando o andamento do processo, a sanção e, posteriormente, encaminharemos para apreciação da Assembleia Legislativa. Vamos decidir, com muita transparência e seriedade, a adesão ou não ao Regime de Recuperação Fiscal", declarou Sartori. 

 

A proposta, que havia sido aprovada pela Câmara dos Deputados na semana passada, vai agora para sanção da presidência da República. De acordo com o texto, o pagamento das dívidas dos estados com o governo federal fica suspenso durante três anos. O período poderá ser prorrogado por mais três, desde que os governos estaduais estabeleçam medidas de ajuste fiscal como contrapartidas.

Compartilhar no Facebook
Share on Twitter
Please reload

A reprodução de todo o conteúdo deste site é autorizada mediante indicação de fonte

Vitrine do Povo - CNPJ 33.306.787/0001-73