Destaque Esportivo

02/03/2018

Sempre que leio uma noticia sobre os campeonatos estaduais fico pensando, vale a pena a disputa deste campeonato? Principalmente o “charmoso” gauchão, o nosso estadual.
Eu gosto de estaduais, mudei de opinião há pouco tempo, quando comecei a acompanhar o União Frederiquense, foi quando percebi que os clubes menores são os verdadeiros gigantes do futebol, pois é ali onde a grande maioria começa, é ali onde o jovem tem uma oportunidade, os clubes do interior e suas categorias de base são agentes de socialização.
Pensando como torcedor de Grêmio ou Inter, não creio que o gauchão seja o titulo mais desejado, o tricolor esse ano teve quase que toda a sua pré-temporada prejudicada por ter conquistado um grande titulo ano passado, o colorado mesmo tendo um pouco mais de tempo na sua preparação precisou em vários momentos utilizar times mistos ou reservas porque seus jogadores ainda não estavam preparados, não é um campeonato muito importante.
Pensando como torcedor de algum time do interior (não todos), o gauchão é a chance de enfrentar a dupla, de conquistar um troféu, mesmo que seja campeão do interior, uma vaga na serie D ou copa do Brasil, é a chance de algum jogador se destacar e conseguir algum dinheiro, é um campeonato muito importante.
A grande questão é: Como equilibrar essa equação? O gauchão não vive sem a Dupla, os clubes do interior praticamente não vivem sem o estadual, os dois maiores clubes do estado vivem reclamando do calendário apertado, entre tantos outros prós e contras.
Minha opinião: O Gauchão deveria ser dividido em 2 fases, na primeira que começaria ainda no ano anterior os clubes do interior disputariam entre si em turno e returno quem passaria para a segunda fase, nessa segunda fase que iniciaria do meio para o fim de fevereiro estariam as equipes gaúchas que estão presentes nas series A, B e C. 
Desta forma as equipes do interior teriam futebol o ano todo e não apenas 4 ou 5 meses do ano, teriam um planejamento maior e melhor, poderiam crescer em âmbito nacional, os clubes que disputam campeonatos nacionais e internacionais até o final do ano teriam tempo de se preparar e ficarem ainda mais fortes para o ano seguinte.
Se alguém tiver o contato do Noveletto(Presidente da Federação Gaúcha) e quiser fazer essa ponte estou disposto a levar a ele essa ideia.

 

Compartilhar no Facebook
Share on Twitter
Please reload

A reprodução de todo o conteúdo deste site é autorizada mediante indicação de fonte

Vitrine do Povo - CNPJ 33.306.787/0001-73