Primavera começa com extremos na temperatura


A primavera de 2020 se inicia às 10h31 desta terça, e a nova estação poderá trazer extremos nas temperaturas em um único dia e nos acumulados de chuva sobre o Rio Grande do Sul. Isso porque está em formação o fenômeno La Niña, que causa o resfriamento das águas do Oceano Pacífico equatorial.


Nos próximos meses, o fenômeno influenciará diretamente na formação de menos chuva na região Sul do Brasil ao provocar uma mudança na dinâmica dos ventos e, consequentemente, no transporte de umidade.


O sol predomina no Rio Grande do Sul nesta terça-feira(22), no primeiro dia de primavera. O Estado deve ter amplos períodos de céu claro, com nuvens apenas no Norte e no Extremo Sul.


O dia começou com frio, com marcas negativas em baixadas de São José dos Ausentes, inclusive com formação de geada nessas áreas. Com presença do sol, a temperatura sobe ao longo do dia. A tarde deve ser agradável, com máximas altas no Noroeste do Estado.


Apesar do frio do primeiro dia da Primavera, a segunda metade desta semana deve ser de marcas amenas pela manhã e calor com marcas ao redor dos 30°C nas tardes.


Temporais e frio não são descartados


Apesar da redução significativa na média de chuva durante a estação, quando houver ocorrência ela pode ser em forma de temporais.


No decorrer da primavera a temperatura deve se manter dentro da média, afirma o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). No entanto, a entrada de alguns sistemas no Estado ainda pode reduzir as mínimas.




Confira a previsão para Palmitinho