top of page

Chuvas causam estragos em Palmitinho


O grande volume de chuva registrado nesta quarta-feira(23) e nesta quinta-feira(24), provocou significativos estragos na área rural do município de Palmitinho.


Desde o início da manhã desta quinta-feira, equipes da Secretaria de Obras e Viação e da Secretaria da Agricultura e Meio Ambiente percorrem o interior do município a fim de fazer um amplo levantamento dos locais mais afetados e dos estragos pelo grande volume de chuva que caiu em um curto espaço de tempo.


Conforme o Secretário Municipal de Obras e Viação, Cleber Balestrin, relata que as equipes iniciaram o trabalho já no início da manhã em locais mais atingidos, principalmente onde houve bloqueios em estradas e pontes. O secretário pediu compreensão da população e auxílio para a realização do trabalho. - Estamos com algumas estradas, pontes e bueiros com problemas e precisamos que nos ajudem no que puderem. Estamos fazendo uma frente de trabalho para que logo possamos resolver e ajustar tudo, destaca o Secretário.


Conforme dados da Emater/RS, foram 142mm de chuva no espaço entre a noite da quarta-feira e a manhã da quinta-feira, sendo que a soma total do volume dos dois dias chegou a 230mm. A mal distribuição da chuva causou a destruição de cerca de 30 cabeceiras de pontes, dezenas de bueiros, além de comprometer o trabalho de melhoria das estradas que vinham ocorrendo nas últimas semanas, sendo que muitos trechos necessitarão de serviços de máquinas.


De acordo com o Secretário Municipal da Agricultura e Meia Ambiente, Evonir da Rocha, as chuvas dos últimos dias estão dando grande contribuição das plantações e a recuperação das fontes de água, após o longo período de estiagem, porém o excesso registrado acaba ocasionando danos. – A chuva é muito importante para a recuperação das águas e para a plantação, porém esse excessivo volume, causou transtornos com o alagamento de lavouras, comprometimento de estradas, acesso a propriedades e inclusive com inundações de galpões e residências, lamenta.


O trabalho de levantamento de estragos foi acompanhado pelo Diretor da Secretaria da Agricultura e Meio Ambiente, Anderson Balestrin. Ele destaca que os dados devem ser encaminhados para a Defesa Civil Estadual, tendo em vista a constatação de significativos estragos.


O Prefeito Caetano Albarello, destaca que a Administração Municipal está focada em resolver o mais rapidamente possível os danos ocasionados pela chuva.



Fotos: Dejair de Castro/Ascom

Comentarios


bottom of page