Cigres recebe doação de retroescavadeira


Com o intuito de aumentar a produtividade e melhorar as condições de trabalho dos colaboradores, o Consórcio Intermunicipal de Gestão de Resíduos Sólidos (Cigres), localizado em Seberi/RS, inscreveu projeto no Fundo do Desenvolvimento Regional, da Sicredi Alto Uruguai RS/SC/MG, com o objetivo de conseguir apoio para a aquisição de uma retroescavadeira. O projeto “Boas práticas para gestão sustentável de resíduos sólidos urbanos”, recebeu R$ 250 mil da Cooperativa. A máquina foi entregue na última semana, na presença dos prefeitos que integram a diretoria do Cigres.


Com a implantação das boas práticas e com a nova máquina, a expectativa é de melhora significativa no processo de gestão e gerenciamento dos resíduos, qualificando o processo de triagem, proporcionando ganhos contínuos no desenvolvimento sustentável de projetos dos 31 municípios que compõem o Consórcio.


Segundo o presidente do Cigres, prefeito de Novo Tiradentes/RS, Luiz Carlos Benedette, é uma alegria poder contar com o Sicredi, que tem uma importante parceria com o Consórcio. “A Cooperativa e o Cigres têm propósitos em comum, que envolvem o desenvolvimento e apoio aos municípios. Nesse sentido, esta máquina contribuirá para melhorarmos o trabalho, que é voltado às cidades que abrangemos, sempre pensando em contribuir com a saúde e o meio ambiente destas localidades. Por isso, precisamos agradecer a toda a equipe do Sicredi que entendeu a importância desse projeto, que vai ajudar todos os consorciados. Isso sim é cooperativismo, isso é trabalhar unidos, de forma conjunta, visando o melhor para as pessoas atendidas pelo Consórcio”, frisa Benedette.

Fundo de Desenvolvimento Regional


O Fundo de Desenvolvimento Regional tem por finalidade contribuir para a evolução econômica, social e ambiental da área de atuação da Cooperativa, por meio do apoio financeiro a projetos que promovam a cooperação, cidadania, aprimoramento cultural e social, contribuindo na agregação de renda e melhoria da qualidade de vida.


O Fundo contempla projetos em cinco categorias: Estímulo ao Empreendedorismo e Inovação, Ambientais (categoria que o projeto do Cigres foi beneficiado), Educação, Formação e Sucessão, Intercooperação e Associativismo, e Promoção da Saúde Coletiva e Desenvolvimento Social.





Fonte/Foto: Cigres/Reprodução Facebook