top of page

Entidade pede impugnação da concessão do Parque Estadual do Turvo


O Instituto Gaúcho de Estudos Ambientais (InGá) entrou na justiça pedindo a impugnação do edital de concessão do Parque Estadual do Turvo.


O InGá aponta que o governo do estado nunca respondeu a uma série de questionamentos apresentados por 21 pesquisadores em outubro de 2021 sobre a concessão do Parque do Turvo. Os questionamentos realizados por professores e pesquisadores da UFRGS (veja o documento integral) não foram respondidos pelo Estado do Rio Grande. do Sul.


No documento enviado para o Ministério Público Estadual, o Instituto diz não ser contra a concessão, mas pede que seja respeitada toda a legislação já existente que trata da gestão das Unidades de Conservação, que obriga a obediência ao Plano de Manejo, a existência de infraestrutura para pesquisadores, o respeito à vegetação nativa e muitas outras observações.


Entre os pontos elencados pelo documento, há uma contestação contra a informação de que a hospedaria dedicada a pesquisadores, atualmente, seria transformada em hospedaria para turistas. Outro ponto levantado pela ação é a informação de que a empresa construiria uma pousada ou hotel dentro da área do parque.


O estado ainda não se pronunciou sobre o assunto.







Fonte: ClicPortela

Foto: Divulgação/Web

Comentarios


bottom of page