top of page

Governador detalha plano de reconstrução do RS após enchentes


O governador Eduardo Leite detalhou, na tarde desta quinta-feira(09), os recursos necessários para o plano de reconstrução do Rio Grande do Sul após os estragos causados pelas chuvas. A estimativa foi baseada na resposta atual, nos levantamentos já realizados e na comparação com os recursos utilizados no Vale do Taquari após as enchentes do ano passado.


Para o reforço das forças de segurança, a estimativa é de mais de R$ 217 milhões, e para a estrutura de governo emergencial, R$ 1,5 milhão.


Na área de assistência, o custo estimado para atendimento em saúde é de R$ 252, 3 milhões; para benefício emergencial, R$ 200,9 milhões; e mais de R$ 2 bilhões para estruturas de abrigos.


Já para restabelecimento, que inclui apoio à Defesa Civil Municipal, escolas, moradia, projetos de manutenção e reconstrução, manutenção de estradas vicinais, de rodovias e de vias urbanas, balsas e remoção e destinação de resíduos, os recursos estimados passam de R$ 7,2 bilhões.


Para reconstrução, que contempla apoio à agricultura e às empresas, escolas, estrutura de governo, moradia, pontes, unidades de saúde e recomposição de áreas degradadas, o total passa de R$ 8,9 bilhões.


Na manhã desta quinta, o presidente Lula anunciou que vai encaminhar ao Congresso Nacional uma medida provisória de ajuda financeira ao RS em função da tragédia climática. A proposta, com investimento total de R$ 50,9 bilhões, contempla trabalhadores assalariados, beneficiários de programas sociais, empresas e produtores rurais.










Fonte: Correio do Povo

Foto: Lauro Alves/Secom

Comments


bottom of page